Governo constitui comitês setoriais para modernização do Plano de Cargos e Salários dos servidores municipais

Membros são servidores indicados pela gestão municipal e eleitos na última quinta-feira (23) pelos colegas de trabalho. A portaria nº 174, que dispõe sobre a nomeação dos representantes,...

63

Membros são servidores indicados pela gestão municipal e eleitos na última quinta-feira (23) pelos colegas de trabalho. A portaria nº 174, que dispõe sobre a nomeação dos representantes, foi publicada nessa terça-feira (28)

O governo municipal publicou no Diário Oficial, nessa terça-feira (28), a Portaria nº 174, que nomeia comitês setoriais colegiados para atuar no processo de modernização do Plano de Cargos, Carreiras, Vencimentos e Salários, além do Estatuto dos Servidores Municipais de Itabira.

Junto à melhoria do serviço público prestado à comunidade, a modernização do Plano de Cargos e Salários e do Estatuto dos Servidores é uma das pautas mais frequentes nas reuniões entre Executivo e servidores. Para o prefeito Marco Antônio Lage, servidores preparados e motivados prestam um atendimento mais rápido e eficaz ao Município e à população. “Para Itabira avançar e ter uma gestão pública moderna, é necessário que comecemos com o trabalho de dentro para fora. As equipes precisam estar motivadas e é um compromisso nosso promover um ambiente de trabalho satisfatório, porque isso reflete diretamente no serviço que é prestado à população”, defende o prefeito.

Os comitês, de acordo com as regras do Decreto Municipal nº 2.599/22 (que institui Coordenação Geral, Comissão de Apoio e Comissões Setoriais), são compostos por membros eleitos na última quinta-feira (23) pelos servidores e indicados pelo Governo Municipal. Ao todo, foram formados sete comitês setoriais:

Comitê I – Secretaria Municipal de Educação (SME): Lauren Rocha Beltrame Wendling (membro eleito), Maria Rozalina Morais de Oliveira (eleito), Eliane Citi (membro indicado), Josiane Rodrigues da Silva (indicado) e Luciana Renata Moreira Fonseca (indicado).

Comitê II – Secretaria Municipal de Saúde (SMS): Marly Pereira do Nascimento (eleito), Thiago Orneles Luiz (eleito), Rafaela Costa Moreira (indicado), Eduardo Teodoro Santos (indicado) e Rochane Aparecida de Castro Gomes (indicado).

Comitê III – Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS): Adriana Malaquias Lage (eleito), Graziele Vieira Cachapuz Machado (eleito), Ana Carolina Silva Pires Magalhães (indicado), Tatiana Silva Gavazza (indicado) e Maria Luciana Aquino Damião (indicado).

Comitê IV – Secretarias Municipais de Desenvolvimento Urbano (SMDU); Obras Transporte e Trânsito (SMOTT) e Meio Ambiente (SMMA): Carlos Alexandre Ribeiro (SMDU/ eleito), Estevam José de Oliveira (SMOTT/ eleito), Valdirene Lucia Ramos Duarte (SMMA/ eleito), Flávio Raimon da Silva (SMOTT/ indicado) e Gilza Ferreira de Alvarenga (SMDU/ indicado).

Comitê V – Secretarias Municipais de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo (SMDECTIT); Esporte, Lazer e Juventude (SMELJ), e Agricultura e Abastecimento (SMAA): Antônio José Pessoa Nogueira (SMAA/ eleito), Ana Carolina Bersan Lage (SMDECTIT/ indicado), Anete Matilde Gonzaga (SMDECTIT/ indicado), Filipe Dias Santos (SMELJ/ indicado) e Vanderci Geraldo dos Santos (SMELJ/ indicado).

Comitê VI – Secretarias Municipais de Administração (SMA), Planejamento e Gestão (SEPLAG) e Fazenda (SMF): Mariza de Fátima Costa Valadares (SMA/ eleito), Renata Reis de Godoi (SMF/ eleito), Katyane Lage M. Santos (SMA/ indicado), Plínio Guilherme Leite Andrade (SMF/ indicado) e Aparecida de Fátima Duarte (SEPLAG/ indicado).

Comitê VII – Secretarias Municipais de Auditoria Interna e Controladoria (SMAIC), Governo (SMG), Gabinete do Prefeito (GP) e Procuradoria-Geral do Município (PGM): Miriam Lucia Costa (SMAIC/ eleito), Lucinéia Thom (GP/ eleito), Márcio Alves Evangelista (PGM/ eleito), Mateus Henrique Martins Fonseca (PGM/ indicado) e Alessandra Santos Figueiredo Fioravantti Frade (GP/ indicado).

Os comitês participarão de reuniões de esclarecimento e direcionamento do trabalho. Será aplicada a metodologia proposta, além de levar à comissão de apoio as demandas específicas de cada secretaria e carreiras. A batalha pela reestruturação do plano é antiga e uma constante reivindicação dos servidores municipais.

Em tempo

No dia 19 de maio deste ano, a Prefeitura de Itabira assinou um contrato com o Instituto Brasileira de Gestão e Pesquisa (IBGP) para o desenvolvimento do documento que vai balizar a nova estruturação do serviço público no município. “Estamos dando início aos trabalhos do Plano de Cargos e Salários, um compromisso da gestão atual que busca respeitar, ouvir e valorizar cada servidor. Uma ação concreta onde revisaremos toda essa estrutura”, comentou, na época, o secretário municipal de Administração, Gabriel Duarte de Alvarenga Quintão.