Prefeitura de João Monlevade realiza oficina sobre atendimento às vítimas de violência

A Prefeitura de João Monlevade, por meio da Vigilância em Saúde (Visa), promoveu Oficina de Normatização de Protocolos de Atendimento e Encaminhamento às Vítimas de Violência. A capacitação,...

248

A Prefeitura de João Monlevade, por meio da Vigilância em Saúde (Visa), promoveu Oficina de Normatização de Protocolos de Atendimento e Encaminhamento às Vítimas de Violência. A capacitação, realizada nos dias 12 e 13, ocorreu na Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Piracicaba (Amepi).

O evento é voltado para as chefias da Secretaria Municipal de Saúde e para os órgãos responsáveis por receber as vítimas de violência. A oficina foi ministrada em parceria com o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) de João Monlevade e com o  Centro de Referência de Assistência Social (Cras).

Durante a oficina foram apresentados os fluxogramas de atendimentos em casos de violência contra criança e adolescentes, mulheres, idosos ou pessoas com deficiência.

Na abertura, a secretária de Saúde, Raquel de Souza Paiva Drumond, destacou que o assunto é de extrema importância para a Prefeitura. “É um trabalho que vai muito além de um treinamento de rotina, em virtude da relevância do assunto para a sociedade e também para a nossa administração”, afirmou.

Os trabalhos foram conduzidos pelas enfermeiras da Visa, Patrícia de Souza e Silva e Mara Geralda Gomes de Souza, com apoio da coordenadora do Cras, Cássia Rocha de Araújo Soares, e da coordenadora do Creas, Tatiane Meireles. “Nosso objetivo foi explicar aos participantes para onde devem ser encaminhadas as vítimas de violência, quando houver esse tipo de ocorrência”, salientou Patrícia Souza.