Conferência Municipal de Educação discute inclusão e qualidade do ensino

Evento aconteceu na Funcesi e contou com a presença de professores e especialistas na área, além do prefeito de Itabira Marco Antônio Lage A Fundação Comunitária de Ensino...

338

Evento aconteceu na Funcesi e contou com a presença de professores e especialistas na área, além do prefeito de Itabira Marco Antônio Lage

A Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira (Funcesi) ficou lotada durante toda esta quarta-feira (15), durante a Conferência Municipal de Educação. Com o tema “Inclusão, equidade e qualidade: compromisso com o futuro da educação brasileira”, o encontro contou com a presença de professores e especialistas na área como a presidente do Conselho Municipal de Educação, Laura Souza Silva; a diretora da 24ª Superintendência Regional de Educação, Jânua Galvão; e a secretária municipal de Educação, Luziene Lage. Quem também marcou presença foi o prefeito de Itabira, Marco Antônio Lage.

“Teremos debates importantes ao longo do dia. A educação é um ato de coragem, e como tal, é preciso fazermos as análises e os debates para a melhoria dessa área em todos os sentidos, porque ela é a base de tudo. Temos que pensar ainda sobre um plano nacional de educação que inclua todos os brasileiros e como nós, itabiranos, podemos contribuir para que isso aconteça. Itabira é um retrato interessante de educação: temos diversos elementos em nossa cidade que podem nos ajudar a compor esse debate que é fundamental”, declarou o prefeito.

O chefe do executivo também divulgou que o Município terminou recentemente o planejamento orçamentário para a reforma de cem por cento das escolas municipais. “Também precisamos fazer uma grande reforma pedagógica para que as escolas municipais possam ser uma referência em educação”, finalizou.

Durante todo o dia, os participantes discutiram e refletiram sobre a inclusão e a qualidade da educação, de acordo com os eixos e subeixos propostos pela coordenação do evento. A conferência buscou atender a legislação vigente no Plano Nacional de Educação e promover um espaço de debate a fim de efetivar o direito de educação para todos. O encontro contou com uma palestra sobre o tema proferida pelo delegado de Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, Diogo Luna Moureira.

A conclusão dos trabalhos aconteceu com a apresentação dos relatórios discutidos nos subeixos e a eleição dos delegados que representarão Itabira na etapa estadual da conferência. Os participantes escolheram oito delegados entre os representantes dos gestores da educação pública, alunos, famílias dos estudantes, além dos profissionais da educação e do Conselho Municipal.

Jânua Galvão ressaltou que é preciso que as propostas de inclusão, qualidade e equidade na educação saiam do papel e sejam concretizadas. “Vimos algumas metas sendo cumpridas mas, na maioria, ainda temos muito o que fazer, principalmente neste momento de pandemia: sabemos o impacto que isso tem no aumento da desigualdade social e também na alfabetização. Com o retorno das aulas presenciais, a gente sentiu como estão os nossos alunos. Nosso desafio maior ainda é em mitigar a evasão escolar no ensino médio, já que muitos desses alunos ingressaram no mercado de trabalho”, disse a diretora da Superintendência Regional de Educação.