No Barreiro, equipes da Prefeitura escutam a população no Governo nos Bairros

Prefeito, vice, secretários e servidores ouviram demandas dos moradores locais Na quarta edição do Programa Governo nos Bairros a comunidade do Barreiro recebeu o prefeito Marco Antônio Lage...

405

Prefeito, vice, secretários e servidores ouviram demandas dos moradores locais

Na quarta edição do Programa Governo nos Bairros a comunidade do Barreiro recebeu o prefeito Marco Antônio Lage e equipe de secretários para audiências sobre as demandas locais. Muitas pessoas compareceram à Escola Municipal Camilo Alvim, na noite desta quinta-feira (19) para conversar com os representantes do Poder Executivo. O bairro apresenta muitas deficiências de infraestrutura e esta foi a oportunidade da população apresentar as demandas e ficar mais perto do governo.

Além do prefeito e do vice Marco Antônio Gomes, também esteve no evento o deputado estadual Bernardo Mucida, além dos vereadores Marcelino Guedes e Sidney Marques, ambos moradores do Barreiro. Durante o encontro, o prefeito Marco Antônio Lage falou sobre a visita que fez ao bairro antes da reunião, um momento para estar próximo da população e ver de perto o que a comunidade necessita.

O chefe do Executivo Municipal especificou vários problemas estruturais encontrados, entre eles, a necessidade de reformar a Escola Municipal Antônio Camilo Alvim, a falta de pavimentação em diversas ruas, a questão da falta de falta de água enfrentada pelos moradores e a obra abandonada do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI). A construção da creche foi iniciada há sete anos e está parada desde etão.

“Encontramos muitas coisas que nós temos arrumar”, disse o prefeito, que destacou a necessidade urgente de retomada da CMEI. As burocracias já estão sendo resolvidas para que uma nova licitação ocorra. “Um projeto bacana para as crianças. Quantas crianças aqui estão precisando de creche? A educação infantil vai ser um marco aqui em Itabira. Esta creche que está parada há sete anos, já estamos mexendo com a papelada toda, com a licitação e eu quero dar de presente de Natal para essas mães e pais de crianças pequenas o reinício das obras”, disse Marco Antônio Lage.

A equipe do governo ouviu os moradores, anotou as sugestões e de acordo com cada pasta as demandas serão resolvidas. Foram registradas cerca de 70 solicitações. Dentre as principais reclamações estão: aumentar horários de ônibus no bairro, pavimentação de ruas, falta de energia elétrica em algumas ruas, coleta de lixo ineficiente, ausência de área de esporte e lazer para as crianças.

As reivindicações levantadas pelo programa serão pontuadas dentro de uma escala de urgência e disponibilidade de recursos.