Dia internacional do combate à corrupção: “O Brasil se tornou um país ineficiente”

Janiel Kempers, publicitário e especialista em marketing político, comenta o cenário e consequências de escândalos de corrupção no país Dia 09 de Dezembro é oficialmente o dia internacional...

57

Janiel Kempers, publicitário e especialista em marketing político, comenta o cenário e consequências de escândalos de corrupção no país

Dia 09 de Dezembro é oficialmente o dia internacional de combate à corrupção. A data foi criada para fortalecer e incentivar a cooperação internacional quanto a medidas de prevenção contra atos de corrupção. Com um cenário político conturbado, uma data como essa é facilmente relacionada ao dia a dia do povo brasileiro.

O publicitário e especialista em marketing político Janiel Kempers acredita que os escândalos de corrupção tornaram o Brasil um país ineficiente. “A corrupção no país, seja ela por parte da população ou dos políticos, causa danos quase irreversíveis, em áreas vitais como saúde e educação”, explica.

Para ele, o cenário político do Brasil tem um padrão de corrupção generalizada independente de posicionamentos. “Não importando o partido, vemos diariamente notícias de escândalos envolvendo políticos e empresas. Isso cria na população uma ideia de que ‘se o governo é corrupto, eu também vou ser’”, alerta o especialista.

Kempers explica ainda que o surgimento deste ciclo vicioso de atos desonestos, acaba por prejudicar a população do presente e a do futuro, pois, as ‘pequenas corrupções’ do dia a dia acabam sendo normalizadas, o que estimula atos mais graves e, assim, o Brasil não consegue sair de um cenário devastador.

Além disso, Janiel Kempers conta que a corrupção é negativa até mesmo para os que a praticam. “O  próprio estado gasta dinheiro para combater a corrupção, que ele pratica. É extremamente contraditório”, opina.

O publicitário, que tem vasta experiência na política, acredita que os casos de corrupção aumentam no país pela crescente crença na impunidade. “Falta uma punição severa a quem pratica tais atos. Na maioria das vezes, a justiça é ineficiente e arquiva parte dos escândalos de corrupção. Isso causa uma vergonhosa degradação da política brasileira”, afirma.

Sobre Janiel Kempers

Antônio Janiel Lima dos Santos é um jornalista e publicitário natural do Maranhão. O profissional adotou o nome “Kempers” em alusão a um apelido recebido no ensino médio. Advindo de família humilde, Janiel, antes de tudo, é um comunicador apaixonado. Ainda adolescente começou a trabalhar com assessoria para políticos. Com 16 anos, já prestava serviços profissionalmente na área em seu estado. Depois de entrar na faculdade, ingressou na Record TV do Maranhão.

Dentro da televisão, ganhou experiência com apresentação e reportagens. Com um vasto currículo, Janiel Kempers já foi secretário de comunicação de 4 prefeituras e assessor de deputados da assembleia legislativa do Maranhão. Atualmente, reside no Ceará, onde trabalha como assessor para alguns políticos e empresas na região norte.

Para o futuro, o comunicador deseja lançar um projeto chamado Resenha Livre, onde algumas personalidades serão convidadas para conversar em lives no seu perfil.