Jovens caçoam de mulher de biquíni em praia e ela dá lição de moral

Shelly Proebstel usou o Facebook para se posicionar sobre autoestima após homens tirarem sarro de sua aparência Shelly Proebstel estava curtindo o dia ensolarado em Mount Maunganui Beach, praia...

36

Shelly Proebstel usou o Facebook para se posicionar sobre autoestima após homens tirarem sarro de sua aparência

Shelly Proebstel estava curtindo o dia ensolarado em Mount Maunganui Beach, praia localizada próximo a Tauranga, no norte de Nova Zelândia, quando percebeu que alguns homens estavam “tirando sarro” dela.

O motivo era que Shelly estava de biquíni. Mas ao invés de ficar envergonhada, a mulher deu uma bela lição de moral sobre ser confiante com o próprio corpo.

Shelly é dona da página no Facebook “Bald and Beautiful“, que traduzindo para o português significa “Careca e Bonita”. “Vamos mudar a visão da sociedade de que beleza não está na nossa aparência e lembrar ao mundo que ela vem de dentro!”, escreve na página.

Depois do episódio na praia, ela provou que pratica o que prega nas redes sociais. Aproveitou para escrever uma publicação bem emocionante sobre o caso e viralizou: a postagem ultrapassou 60 mil curtidas e compartilhamentos.

“Para os rapazes que apontaram e riram quando eu tirei meu sarong [uma espécie de tecido] em Mt. Maunganui Beach, levando minha alma (meu corpo de biquíni) para o mundo, eu só quero dizer: Vá se f****”, escreveu no post

Ao decorrer da declaração, Shelly faz uma crítica sobre as atitudes dos rapazes e explica como comentários do tipo, por mais que sejam brincadeiras, podem magoar meninas inseguras com o próprio corpo e acarretar em uma série de problemas psicológicos e transtornos alimentares.

“É por causa de caras como vocês que pessoas estão incrivelmente inseguras sobre a imagem de seus corpos”, acusou. “É por causa de pessoas como vocês que as mulheres, especialmente, não se sentem seguras ou confiantes ou confortáveis de sair com biquíni ou top, com um vestido curto ou mostrando suas barrigas”, completa.

Shelly também usa o espaço na Internet para ressaltar que esses comentários negativos são responsáveis pelo número de pessoas anoréxicas, obesas, bulímicas, além do número de suicídios. “Não, vocês não são responsáveis pela totalidade, mas sim, vocês têm que assumir alguma responsabilidade.”

A jovem termina o texto deixando uma lição de moral para os rapazes e para todos que tiverem o pensamento semelhante ao deles. “Da próxima vez que vocês virem alguém como eu na praia de biquíni ou em uma situação parecida, antes de rir e apontar, pense um pouco sobre o dano que você pode causar”, reflete. “Nem toda pessoa, jovem ou velha, do sexo masculino ou feminino, terá aprendido a ter a pele grossa, ou a resiliência, ou a autoconfiança que eu tenho.”

Por fim, Shelly faz um pedido aos pais que ensinem a seus filhos que não existe forma padrão para um corpo, mas sim “um arco-íris de corpos bonitos” e a aceitarem as pessoas como elas são por dentro. “Eu recomendo que ensinem a seus filhos a serem modelos para aqueles que estão ao seu redor que não foram ensinados disso, para ser a mudança positiva que queremos ver no mundo.”

Com a repercussão da publicação, muitas pessoas prestaram apoio à Shelly e compartilharam suas experiências. Foram mais de 9,9 mil comentários feitos na publicação, reiterando o amor próprio e a compaixão.